Nós e o passado da Igreja

Updated: Dec 15, 2021



Ao olharmos o passado da Igreja, o livro de Atos e os primeiros séculos, a comparação é certa. Olhamos o que os apóstolos fizeram, os problemas que viveram e acharmos que somos menores ou que não estamos à altura de Paulo ou Pedro porque estamos em um tempo diferente, temos preocupações diferentes. Achamos que somos moles demais, que não temos o mínimo de firmeza e coragem para aguentar o que eles aguentaram. É aí que eu discordo.


Eu gosto muito de um texto o N.T. Wright chamado "Como a Bíblia pode ser autoritativa?" em que ele diz que a igreja do primeiro século teve que "improvisar". Tínhamos o Antigo Testamento e a história anterior, tínhamos o testemunho de Jesus. Isso fez com que a igreja lidasse com seus problemas e construísse as suas bases. E eu creio que isso vale para nós hoje, mas de forma diferente.


Os apóstolos confiaram na igreja. Eles acreditaram que nós seríamos capazes de enfrentar os problemas que chegariam. Os apóstolos não imaginaram a quantidade de problemas, denominações cristãs, brigas, conflitos de geração que temos. Os apóstolos nem chegaram a pensar que a tecnologia avançaria como avançou, nem que o movimento deles se tornaria um movimento mundial. Contudo, eles acreditaram na igreja e que as portas do inferno não prevaleceriam contra ela.


Continuamos o trabalho dos apóstolos. Olhamos para os desafios hoje e perguntamos às Escrituras: "Como Pedro, Paulo, João e Tiago resolveriam esse problema? Como eles podem me auxiliar a entender o que está acontecendo e dar uma solução, sendo fiel?". É claro que existem regras para interpretação, que existe uma distância entre nós e os escritores bíblicos e que a Bíblia não é um grande livro de regras. Mas, recorremos a ela e a sua riqueza para nos ajudar nos momentos difíceis.


Não se entristeça por não conseguir ser como Paulo. Olhe para ele, para Pedro e para os nossos irmãos do passado e peça para que Deus te dê a criatividade e o discernimento para resolver os problemas que nossa época nos impõem. Eles tinham a Bíblia Hebraica, nós temos a Bíblia Hebraica e o Novo Testamento. Elas nos dão o norte, nos lembram quem somos, quem nos salvou e o caminho que devemos trilhar. As Escrituras nos lembram que Jesus e os apóstolos confiaram o seu trabalho a nós e precisamos ser fiéis.

26 views0 comments

Recent Posts

See All